quinta-feira, janeiro 31, 2008

Silenciosas

Como estamos silenciosas ultimamente. Qual será o motivo desta pausa de mil compassos? O bicho da preocupação nos mordeu a língua?

Cá comigo, caraminholo bastante: estou ao encalço das palavras certas para este momento ansioso que me assume. Escondi a saudade lá nos fundos e tomei chá de preces para dormir. Não quero bobagem romântica, nem versos sem final. Quero o presente pelo qual lutei tanto. Com chuva, com calos no pé, com kilos a mais, mas com a escolha no meu colo.

Embora na casca, rezo carinhos. Desculpas pela falta de notícias!

Quero-as muito bem.

Eu estou no caminho...

2 Comments:

Anonymous Taís said...

Amada.....
Tem horas que nada é melhor do que o silêncio para fazer um carinho no coração ou um cafuné nos miolos cheios de caraminholas!
Ah..e a lembrança das amigas...essa sempre faz bem!
beijão querida,

11:01 PM  
Blogger Madalena said...

Querida, faço minhas as suas palavras!
Adorei revê-la ontem. Encontrar pessoas especiais como você é como voltar pra casa. :)
Beijos, bom feriado pra ti!
Juju

3:52 PM  

Postar um comentário

<< Home