domingo, outubro 12, 2008

Tão simples


A solteirice alheia incomoda muita gente! Percebo isso a cada instante. Se você é mulher, está na faixa dos 25 ou mais, descompromissada, prepare-se: a cobrança social vai bater na sua porta várias vezes, insistentemente. Vão te arrumar aquele mocinho feio, mas simpático, pai separado, atencioso, que lhe oferece o pacote romântico: janta, carinho e flores. Porém, mal sabe diferenciar você da mocinha que atende telefone. Se for bonitinha, tá valendo.
Aí, se você dá um chega pra lá quando percebe que o mocinho tá se iludindo, achando que sua simpatia é sinal de "flerte", você é chamada, pelos colegas, de "exigente", "criteriosa demais". Aí você se lembra daquela sua amiga que descarta qualquer moço que use mocassim com meia branca. E não importa se ele for lindão, bacana, gentil. Aí, tem aquela outra que não suporta barba, a outra que gosta de baixinhos e mesmo aquela louca que só namora se for corinthiano. E o que você está querendo dizer é tão simples: que não deu liga, não rolou uma combinação necessária.
Pontos a esclarecer: ser solteiro(a) é uma opção, uma escolha - muitas vezes - uma condição climática muito prazerosa - outras vezes. No auge dos meus 27 anos, quase 28, confesso, adoro aquele ditado do "antes só do que mal acompanhada". A carência bate, claro, mas encarar uma galera nada a ver, sem combinação nenhuma, não rola. A dignidade que me resta não permite.
Agora, cá pra nós, o critério de ser corinthiano é tudo de bão mesmo, não?

5 Comments:

Blogger Madalena said...

Querida Mô,
tirando a última frase, é claro, posso dizer que esse é o texto que eu gostaria de ter escrito. :) Não se afobe, não, como diria Chico, que o amor pode esperar e o novo sempre vem. A vida de solteira, com amigos queridos e rotina livre e leve, é uma delícia também. E de repente, sem esperar, uma surpresa vem e aquela menina que só gostava de baixinhos se descobre contando as horas para se perder nos braços de seu gaúcho de 1,80. :) E pode até esquecer a "maldição" que a acompanhava, de, apesar de São Paulina, só arrumar paqueras/namorados/ficantes corinthianos! Hahahaha...
Beijos tricolores (SPaulinos ou Gremistas) ;)
Juju
Ps - Adorei seu mail, vou responder com calma depois!

1:36 PM  
Blogger Madalena said...

PS - Só pra completar: se tem algo que descobri nas minhas andanças, é que a melhor forma de se sentir feliz é estar perto da galera "tudo a ver". Mesmo sozinha (sem par, eu digo), mas acompanhadíssima de pessoas que fazem bem pra alma e preenchem o peito. E um peito cheio de amor pelas pessoas em volta é a melhor forma de atrair outros e mais amores. :)
Beijos mil!
Ju

1:40 PM  
Anonymous "Anonymous"... (té parece!) said...

Antes só do que mal acompanhada??

Morro de inveja de você, Calmon... Você tá sempre na tua companhia... e eu, há séculos, não sei o que é essa alegria!!!

Beijo me liga!!

8:09 AM  
Anonymous Vanessa Cabral said...

Tenho uma teoria de que a mulher se modernizou mas nem ela, nem seu oponente (sim, o homem é um oponente da mulher na natureza)acompanharam as mudanças no aspecto social. Para isso adoro os textos de algumas mulheres que têm um espaço na mídia para falar por nós, como a Lia Luft e a Danuza Leão, em que elas sempre frizam que a mulher quer independência mas não sabe o que fazer com ela, por isso maltrata o homem, exigindo dele algo que ele nunca poderá dar. Vc. menciona que quer o simples e às vezes não tem, que este simples, esta liga, é um bom papo, um companheirismo. Mas o que é um bom papo e um companheirismo na vida contemporânea? Existe aí um vácuo que não foi preenchido, e as mães ainda não sabem como educar seus filhos e filhas. E neste desamparo total vemos mulheres sozinhas, que se dizem felizes por estarem sós (antes só do que mal acompanhada) mas, minha cara, o ser humano não nasceu para ser só, e teremos que quebrar barreiras como nossas antepassadas, que descobriam o amor do companheiro na convivência, porque o ínicio do relacionamento era um vácuo. A mulher se modernizou, o mundo mudou, mas o homem não. Então teremos que continuar apostando num cara e descobrir o amor na convivência, é isso aí! Bjs Van

6:18 PM  
Anonymous "Anonymous"... (té parece!) said...

AH! E por falar em Corinthians...

Agora a Primeira Divisão voltou pra Série A, depois de ter passado quase um ano na Série B. Primeira Divisão é onde o Timão está. O resto é divisão de base!

Aqui tem um bando de louco
Louco por ti, Corinthians!
Pra quem tá pensando que é pouco
Eu vivo por ti, Corinthians!


É isso aí, o Timão está de volta! Fauna (*), tremei !!!

—————————————————————————
(*) Fauna = conjunto de bichos: peixes, porcos, bambis, etc...

8:17 AM  

Postar um comentário

<< Home